Arquivo da tag: sintomas de alergia

Por um quarto blindado contra a alergia

A alergia causa muito mal estar para quem sofre com o problema. Mas muitos não percebem que ela pode ser causada por falta de atenção e até por não se pensar nos cuidados simples. O quarto é um grande influenciador para potencializar a doença.

A cama e os travesseiros, por exemplo, reúnem condições excelentes (temperatura, umidade e escamação de pele humana) para o desenvolvimento de colônias de ácaros, fungos e mofo, elementos detestados pelo alérgico. Isso porque todos nós passamos cerca de um terço de nossas vidas em nossas camas. Desta forma, depositamos pele descamada, alimento preferido desses bichinhos, que penetram nesses lugares.

“Por este motivo, que a forração dos colchões e travesseiros é tão importante no processo de combate da alergia, já que desta maneira cria-se uma barreira entre o corpo e estes objetos. O ato evita a proliferação destes alergenos, pois os ácaros não terão mais seu principal alimento, a queratina presente na pele. Além disso, a barreira formada não mais permitirá que as pessoas inalem estes alergenos, tornando-as mais distantes do que as provoca alergia”, afirma Marcello Bossois, Médico e Coordenador Técnico do projeto Brasil Sem Alergia.

Mas não só a forração será a solução, além disso é preciso ter um cuidado extra de limpeza no lugar. A higienização precisa ser frequente e de preferência profunda. Existem muitos artifícios que podem ajudar é a Rainbow (Leia mais sobre ele aqui), que é uma grande aliada contra alergia, em todos os sentidos.

Mas não é apenas o colchão que pode acumular ácaros: cortinas de pano, carpetes, tapetes, cadeiras ou poltronas de pano, bichos de pelúcia e até a presença de plantas podem transformar o ambiente propício. “As persianas podem ser utilizadas no lugar das cortinas de pano, com o objetivo de facilitar a limpeza e evitar o acúmulo de poeira”, explica Bossois. Vale ressaltar que até uso de quadros e espelhos devem ser pensados, já que dificultam a limpeza das paredes e contribuem para a presença de mofo.

Cheiros gostosos podem ser muito bons para quem não sofre com alergia, mas é um desespero para quem tem o problema. Evite perfumes muito intensos e outros irritantes respiratórios, que podem ser encontrados em tintas, ceras, removedores e produtos químicos. “Para o combate dos insetos, os repelentes naturais, como velas de andiroba e citronela podem substituir o uso dos inseticidas em aerosol”, adverte o Coordenador Técnico do Brasil Sem Alergia.

Nem precisa falar que o cigarro é extremamente proibido para alérgicos e tem que ter sua entrada barrada no quarto deles, pois a sua fumaça é uma grande provocadora de alergias no sistema respiratório.

Dicas de limpeza para alérgicos

Alérgicos sofrem com a sujeira, afinal, ela pode prejudicar a saúde dessas pessoas. Os ácaros da poeira doméstica são os principais desencadeantes de doenças como: rinite, asma, dermatite e conjuntivite alérgicas, em indivíduos propensos a ter o problema.

Segundo Flávia Romanelli, especialista em alergia/imunologia pelo Hospital Darcy Vargas, os alérgicos devem se preocupar principalmente com poeira acumulada em estantes, enfeites, livros, revistas, bichos de pelúcia, tapetes e cortinas. Além disso, ela sugere que os principais erros cometidos por essas pessoas é fazer a higienização com o uso de vassouras e panos secos, já que ambos ‘levantam’ poeira. O uso de produtos de limpeza com cheiro forte também desencadeia crises.

A especialista também sugeriu sete dicas para os alérgicos limparem a casa:

1. Deve-se usar na limpeza da casa pano úmido, tanto no chão quanto nos móveis, e aspirador de pó com filtro hepa, que retém até 90% de impurezas. Um deles é Rainbow, que utilizamos em nossas visitas.

2. Limpe a superfícies lisas e escove tapetes com uma solução de vinagre com água ou lisoforme para melhor higienização.

3. Evite fumantes dentro de casa e produtos de limpeza com cheiro forte.

4.Combata o mofo e a umidade, mantenha a casa bem ventilada.

5. Evite bichos de estimação, como gatos e cachorros, e se não for possível dar banho semanalmente e aspirar os pelos do ambiente diariamente.

6. Cortinas devem ser retiradas e lavadas a cada 15 dias.

7. Colchões e travesseiros devem ser mantidos com capas antialérgicas, e se possível expostos ao sol por 1 hora, uma vez por mês.